Bom, como eu não sou obrigada a falar bem de tudo que eu fui, preciso falar de uma das minhas poucas decepções: a Cabana do Regis no Campinho!

O preço tá salgado? Não, tá dentro do que a gente vê por lá na Bahia mesmo, masss... pedi uma porção de camarão e sem brincadeira, deu contado 3 camarões pra cada um (eu, meu pai e minha mãe) e sobrou unzinho pra gente brigar. Achei muito pouco pelo valor, que em outros locais vem muito mais camarão. Veio monte de cabeça de camarão sem o camarão de fato pra encher a bandeja, não curti! Além disso, achei que nem tava tão gostoso assim... não vou dizer que tava RUIIM, RUIM.. mas, tava bem marromenos, sem tempero nem nada. A farofinha e o vinagrete que acompanhava tava ok também.Outra coisa ruim era a quantidaaaaaade de mosca enchendo o saco na mesa e não deixando você comer nem ficar em paz!



Bom, apesar disso, como podem ver o lugar é bem bonitinho, decoradinho, na beira da praia e tal! Essa é uma das entradas para o Campinho, tem mais duas bifurcações... que dão em outros locais.Nessas fotos acima, dá pra ver que a maré tava baixa, e assim fica meio ruim pra banho :/

Praticamente tudo lá na Península de Maraú depende da maré, então tem que se informar pra não se programar pra uma furada!


Curti mais essa parte de Campinho, que era na outra bifurcação. Só fui em duas das três, a outra parecia mais local de moradores apenas. Essa achei bem melhor para mergulho, sem tantos barcos, com mais espaço. INFELIZMENTE a maré baixa transforma muito o cenário e fica ruim pra mergulhar... é praticamente sentar com o bumbum na areia pra ficar um pouquinho na água!

Na maré cheia muda completamente e a água vai até lá em cima!

Camila Almeida

Psicóloga e Viajante

Planejando a próxima trip?

Seguro Viagem: SEGUROS PROMO 

Chip Internacional: BRASIL ROAMING

12924477_1124827844234374_77690089485757